Diocese de Caxias do Sul celebra o Corpus Christi

                Diferentes formas e horários marcaram a celebração da Solenidade do Corpo e Sangue de Jesus Cristo na Diocese de Caxias. De diferentes maneiras, mas com fé ardente milhares de fiéis saíram às ruas das cidades da região de abrangência da Diocese para adorar o Santíssimo Sacramento.

                No centro de Caxias do Sul a Celebração da Santa Missa ocorreu na manhã desta quinta-feira, sob sol da manhã e o frio intenso mais de seis mil pessoas participaram desse ato de fé que culminou com a adoração e a procissão do Santíssimo. O bispo diocesano Dom Alessandro Ruffinoni celebrou a Eucaristia juntamente com mais de quinze padres da cidade.

                Dom Alessandro destacou que nesse ano não foram confeccionados os já tradicionais tapetes com cobertores e lençóis, porém a Celebração não foi menos solidária, pois a coleta da Missa será destinada aos projetos sociais da Diocese de Caxias do Sul, como, por exemplo, a construção de uma casa de passagem para as mulheres prostituídas.

                Demais cidades da região também celebraram o Corpo e Sangue de Cristo, na cidade de Flores da Cunha, já tradicional pela confecção dos tapetes de serragem, teve 30 tapetes feitos pelas mãos dos fiéis, dentre os quais o Movimento do Cenáculo de Maria. Os jovens do Vicariato de Nova Prata também se mobilizaram e construíram tapetes temáticos nas cidades de Nova Prata e Nova Bassano.

                A paróquia Santo Antônio, no centro de Bento Gonçalves produziu tapetes de serragem juntamente com os padres da paróquia. A Missa no centro de BG foi celebrada na tarde dessa quinta-feira.

                Celebrada na quinta-feira após a Solenidade da Santíssima Trindade, a Festa de Corpus Christi vem de longa tradição na Igreja. Culturalmente, na serra gaúcha, os moradores expunham suas colchas, cobertores e bordados nas janelas de suas residências para que o Cristo que passava em procissão sobre os tapetes abençoasse as famílias, juntamente com o pensamento “tudo de melhor a Deus”.

 

Lida 618 vezes
Felipe Michelon Padilha

E-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

Notícias por Diocese

Acesso Privado

Últimos Eventos


Sem eventos

Apoiadores

×

Atenção

JLIB_CLIENT_ERROR_JFTP_WRITE_BAD_RESPONSE